Aprender Brincando no JIPG2


Frequentar o Jardim de Infância é uma mais-valia para o desenvolvimento cognitivo, social, físico e emocional da criança. O Jardim de infância tem um papel fundamental no desenvolvimento saudável das crianças.


Na sociedade atual as tecnologias de informação cada vez mais “teimam” em substituir o diálogo, os momentos com a família e o saber estar em sociedade. É muito mais fácil dar um tablet a uma criança para que ela fique sossegada, enquanto os adultos se ocupam de outros afazeres, deixando de conversar com ela e de estar atento às suas necessidades afetivas. Felizmente ainda existem exceções em alguns lares mas há o perigo deste comportamento se alastrar cada vez mais na vida das famílias.
O tempo, a atenção e a paciência para que a criança interiorize regras e valores e possa crescer em harmonia e tornar-se um adulto equilibrado, passa pelo papel da família e também pelo do Educador de Infância. A ação do Educador de Infância é então muito importante na articulação e no equilíbrio entre as aprendizagens das crianças e a ação educativa das famílias.
No Jardim de Infância, através da socialização e das brincadeiras em grupo, as crianças vão ficando confiantes e capazes de partilhar e conviver em sociedade, tornando-se mais autónomas e aprendendo a lidar com a frustração quando algo corre de maneira imprevista. É importante que as crianças estejam com outras crianças.
As saídas, os recreios as brincadeiras livres são importantíssimas. Sempre que o tempo o permita, as crianças devem ter contacto com o exterior para libertarem a energia que possuem e, assim, regressarem à sala de atividades mais calmas e motivadas. Tem de existir tempo para a brincadeira informal, desprendida de qualquer objetivo ou regra: apenas brincar pelo prazer de brincar.
O faz de conta e o recriar os diferentes papéis dos adultos é de extrema importância para os mais novos. O Jardim de Infância é o lugar de excelência onde as crianças aprendem brincando e interiorizam os diferentes conceitos/conteúdos que vão sendo apreendidos. Por tudo isto e muito mais, o Jardim de Infância deve ser valorizado como importante para um bom desenvolvimento das crianças.

Educadora Amélia